O auxílio emergencial está sendo utilizado para quitar dívidas

A pandemia causada pelo novo coronavírus, ocasionou uma grande crise para todo o país. Muitas pessoas perderam seus empregos, e tiveram suas rendas impactadas de diferentes formas. Com isso, a taxa de inadimplência saltou em diversas empresas.

Mas em contra partida, enquanto o endividamento das famílias cresceu em nível recorde em agosto, de acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), um levantamento realizado pelo setor aponta que o brasileiro tem buscado quitar suas dívidas no mesmo período.

O que explica isso: o auxílio emergencial. Boa parte dos brasileiros endividados que tiveram acesso ao programa de apoio do governo utilizaram o valor recebido para quitar suas dívidas antigas e, assim, voltar a ter acesso ao crédito.

Então, esse pode ser um momento propício para as empresas acionarem seus clientes devedores, já que a chance de recebimento pode ser maior. E assim, recuperar o dinheiro dos seus títulos e reverter os impactos causados pelo atraso desses pagamentos.

Mas antes de começar com as cobranças, é necessário entender todas as técnicas que envolvem essa prática. Para atingir bons resultados e evitar possíveis problemas, é preciso investir em uma equipe experiente e qualificada.  

A debitto pode ser uma boa solução para as empresas que buscam uma solução em cobrança assertiva e amigável. Para conhecer todas as soluções, acesse: www.debitto.com.br.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s